junho 20, 2024

Cólera: Secretaria de Saúde envia novas amostras para análise do Lacen

 Cólera: Secretaria de Saúde envia novas amostras para análise do Lacen

Água coletada nas proximidades do rio Jacuipe e riachos

Nesta quinta-feira (23), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) enviou novas amostras de água coletadas nas proximidades do rio Jacuípe e nos riachos da Lagoa do Geladinho e do Cipriano Barbosa, localizados no Feira IV, para serem analisadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Estado – Lacen.

O objetivo da ação é verificar as possíveis doenças que podem ser transmitidas no local, além de identificar quais pontos estão infectados pela bactéria Vibrio cholerae.

É válido destacar que a busca ativa por casos suspeitos de cólera está sendo realizada pela Rede Primária de Saúde, juntamente com a referência técnica desse agravo, que está vinculada à Vigilância Epidemiológica.

Nesta sexta-feira (24), o Comitê de Enfrentamento e Ações de Combate à Cólera, formado por representantes da SMS, Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) e da Universidade Estadual de Feira de Santana, irá se reunir para discutir as próximas medidas a serem tomadas.

DIAGNÓSTICO

No último dia 17, a Lagoa do Geladinho, situada no Parque Radialista Erivaldo Cerqueira, foi interditada por conta da água estar contaminada pelo agente causador da cólera, Vibrio cholerae. O resultado foi atestado pelo Lacen após investigação de duas amostras de água da lagoa, diante da ocorrência da morte de peixes da espécie Akari (Cascudo).

Secom – Fotos: Divulgação/SMS

Whatsapp
Olá
Olá, podemos ajudar?