maio 25, 2024

Prefeito Colbert Filho autoriza o transporte de cargas leves para táxis

 Prefeito Colbert Filho autoriza o transporte de cargas leves para táxis

A mudança oportuniza também que a categoria adquira utilitários leves com isenção de IPI
Motoristas de táxis de Feira de Santana poderão a partir de agora realizar também o transporte de cargas leves. O prefeito Colbert Filho assinou na segunda-feira, 13, o decreto que autoriza a nova modalidade de prestação de serviço.

Com a mudança, a categoria poderá adquirir legalmente veículos tipo picape (utilitário leves) com isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), fomentando uma nova perspectiva de negócio para os taxistas.

“A medida visa não apenas ampliar as opções de veículos para taxistas, mas também fomentar este tipo de prestação do serviço público na zona urbana e, especialmente, nos distritos que utilizam o transporte para pequenos volumes”. afirma o gestor municipal.

Colbert Filho também ressaltou que “o táxi vem ganhando força e continua sendo respeitado por ter autorização do poder público concedida mediante alvará. “São vistoriados e mais seguros”, pontua.

O valor da corrida será referente ao da bandeira no momento da utilização do transporte (corrida), vedado à cobrança adicional por carga.

Segundo o secretário de Transportes e Trânsito, Sérgio Carneiro, a aquisição dos veículos tipo picape, leve e intermediária serão avaliados no órgão municipal para verificar a compatibilidade com o disposto no decreto.

“É uma garantia para o usuário que o veículo esteja homologado para a categoria pretendida e atenda critérios especificados pela legislação”, explica.

Entre as exigências, constam no decreto capacidade mínima de porta-malas de 350 litros (não computado o volume ocupado pelos cilindros de GNV quando for o caso). O automóvel, ainda, deve possuir quatro portas e ser da categoria aluguel, caminhonete cabine dupla, leve e/ou intermediária.

“Agora teremos mais praticidade na oferta do nosso serviço. A Prefeitura de Feira inaugura um novo momento para a categoria, pois nossos veículos estavam limitados ao transporte individual de passageiro sem espaço adequado para pequenas cargas. Andar de táxi continua sendo seguro”, frisa Liomar Ferreira, presidente do Sindicato dos Condutores Autônomos de Veículos de Feira de Santana (SINCAVER).

Além disso, a abertura para picapes será benéfica para o setor automotivo local que ganhará uma nova opção de venda de veículos, impulsionando outros ramos de negócio. A mudança terá reflexo positivo na economia, criando empregos relacionados à manutenção e operação desses automóveis.

Secom/ Foto: Izinaldo Barreto/Divulgação

Whatsapp
Olá
Olá, podemos ajudar?