junho 22, 2024

Blitz educativa traz alerta sobre a transmissão da raiva

 Blitz educativa traz alerta sobre a transmissão da raiva

Ação realizada nas Avenidas Getúlio Vargas e Senhor dos Passos

Equipes da Vigilância Epidemiológica circularam pelos semáforos distribuindo panfletos e prestando orientações sobre a raiva, no cruzamento entre as Avenidas Getúlio Vargas e Senhor dos Passos, nesta quinta-feira (28). A ação é alusiva ao Dia Mundial contra a doença.

Segundo a enfermeira referência técnica do agravo, Sandra Ribeiro, mais de mil folders foram entregues a quem passou pelo local. Ela destaca que o objetivo é trazer mais informações para a comunidade, tendo em vista as confirmações de seis casos de raiva em morcegos na cidade.

“Nosso intuito é que as pessoas saibam como proceder caso sejam agredidas por animais que podem transmitir o vírus da raiva, a exemplo de cães, gatos, micos ou até morcegos. A infecção pode ocorrer por meio do contato com a saliva, mordida ou arranhão feito pelo animal contaminado”, explicou.

A enfermeira relata que, no caso humano, os sintomas podem surgir através de mal estar, irritabilidade, confusão mental, inquietação e aumento da quantidade de saliva. Ao perceber esses sinais, a pessoa deve procurar a unidade de saúde de maneira imediata para receber instruções.

“Nessas situações de agressão por bichos que podem estar contaminados, a pessoa deve logo procurar qualquer unidade, mas pedimos que deem preferência às Unidades de Saúde da Família vinculadas ao Programa Saúde na Hora, Unidade de Pronto Atendimento- UPA Queimadinha ou o Centro de Saúde Especializada (CSE) que são locais referências para esse atendimento”, ressaltou.

Secom – Foto: Jorge Magalhães

Whatsapp
Olá
Olá, podemos ajudar?