Feira ganhará sete novos Centro Municipais de Educação Infantil

 Feira ganhará sete novos Centro Municipais de Educação Infantil
Compartilhe

Reformas e intervenções de grande porte fazem parte do pacote de obras da Educação

A oferta de vagas para a Educação Infantil (2 a 5 anos) será ampliada em Feira de Santana, com a previsão de mais de mil novas matrículas. São cinco novos Centros de Educação Infantil (CMEI), duas unidades CMEI/Pré-Escola completamente reconstruídas e mais dois CMEIS que estão prontos e serão inaugurados em breve.

As unidades de ensino ficam em bairros que tiveram crescimento populacional e existe uma grande demanda neste segmento educacional, inclusive algumas unidades são localizadas em grandes conjuntos do programa “Minha Casa, Minha Vida”.

Quatro destas creches utilizam recursos próprios do município, assim como as duas unidades que serão reconstruídas. As demais unidades de ensino dispõe de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), através do programa ProInfância.

Dois dos novos CMEIS, que utilizam verba do município, estão em construção nos bairros Gabriela e na Asa Branca. Outras duas unidades escolares, no bairro Campo do Gado Novo e Aviário, tiveram as obras finalizadas recentemente e serão inauguradas nos próximos dias.

As obras de dois centros de Educação Infantil que utilizam recursos federais, nos bairros Asa Branca e Aviário, estão paralisadas temporariamente por questões administrativas. Já a reforma do CMEI, que fica no bairro Sítio Matias, está em processo licitatório.

De forma geral, o projeto de todas as unidades dispõe de salas de aula, pátio coberto, fraldário, refeitório, área administrativa, sala multiuso, parque infantil, almoxarifado e sanitários adaptados para pessoas com deficiência.

Já as unidades que estão sendo reconstruídas, a Pré-Escola Municipal João Serafim de Lima (Parque Ipê) e Centro Municipal de Educação Infantil Professor Manoel de Christo Planzo (Campo do Gado Novo), terão suas áreas ampliadas em 20% e 100% – respectivamente.

Os prédios também serão adaptados aos novos padrões arquitetônicos adotados pelo Governo Municipal. Estas intervenções de grande porte fazem parte do pacote de obras da Educação.

Secom| Foto: Sara Silva

* Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores