Usuport acusa Tecon Salvador de cobrar por serviço inexistente

IMAGEM_NOTICIA_5

A Associação de Usuários dos Portos da Bahia (Usuport) sugeriu, nesta quarta-feira (2), que o Terminal de Contêineres do Porto de Salvador (Tecon Salvador) continua a cobrar por “serviço inexistente” mesmo após ser condenado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Em nota enviada ao Bahia Notícias, a Usurpot informou que, desde janeiro, o agendamento para a entrega de contêiner é fechado mediante o pagamento de R$ 300 por unidade. “A Usuport identificou que esse serviço não é prestado, uma vez que é abrangido pela THC/capatazia e a concessionária do terminal não poderia cobrar um novo serviço sem a autorização da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq)”, diz o texto. A associação informou que a irregularidade pode prejudicar a competitividade das empresas baianas e que, por isso, denunciou o caso à Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba).

Você também pode gostar ...

0 Pensamentos sobre “Usuport acusa Tecon Salvador de cobrar por serviço inexistente”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ITV Nordeste

No Banner to display