Um tiroteio deixou uma pessoa morta e pelo menos três outras feridas numa escola de ensino médio Saugus, em Santa Clarita, na Califórnia, nos Estados Unidos, nesta quinta-feira (14). Uma jovem de 15 anos morreu, segundo um hospital que atende os feridos no caso.

O suspeito foi detido e também está sendo tratado no hospital, segundo informação do xerife Alex Villanueva em uma rede social. Uma arma foi apreendida.

Antes de ele publicar essa informação, duas fontes policiais da rede CNN haviam afirmado que o suspeito estaria morto, o que não se comprovou.

De acordo com o hospital Henry Mayo Newhall, todas as três vítimas que estão sendo atendidas são do gênero masculino, sendo que uma está em bom estado e duas estão em estado crítico.

A aluna Rosie Rodriguez contou à agência Associated Press que estava começando a subir as escadas para ir à biblioteca quando ouviu um barulho que parecia com “balões estourando”. Quando viu outros jovens correndo, entendeu que eram tiros, saiu e atravessou a rua rapidamente.

Ainda carregando uma pilha de livros, ela chegou a uma casa na vizinhança, onde um morador que ela não conhecia abriu a porta para ela. A mesma pessoa abrigou cerca de 10 outros alunos ao perceber a movimentação e o que estava acontecendo. “Nós nunca achamos que isso aconteceria na nossa escola”, disse Rodriguez à AP.

Autoridades se reúnem do lado de fora da escola de ensino médio de Saugus em Santa Clarita, na Califórnia, nesta quinta (14). — Foto: Stefanie Dazio/AP
Autoridades se reúnem do lado de fora da escola de ensino médio de Saugus em Santa Clarita, na Califórnia, nesta quinta (14). — Foto: Stefanie Dazio/AP

Imagens divulgadas por canais locais mostraram feridos sendo levados para ambulâncias e alunos deixando a instituição de ensino. Por medidas de segurança, escolas do distrito de William S. Hart chegaram a ficar fechadas, mas depois foram liberadas para reabrir.

Os estudantes da Saugus foram levados a um parque, onde testemunhas estão sendo entrevistadas pela polícia e depois liberadas para reencontrar seus pais, que foram orientados a se dirigir ao local.

Várias unidades policiais foram mobilizadas para atender a ocorrência. As autoridades recomendaram aos moradores da região ficarem em casa com as portas trancadas.

A polícia afirmou que suspeita que o autor dos disparos seja um dos alunos.

Mapa mostra local de tiroteio em escola na Califórnia — Foto: G1
Mapa mostra local de tiroteio em escola na Califórnia — Foto: G1

Tiroteios e ataques em instituições de ensino são relativamente comuns nos EUA. Alguns casos emblemáticos foram:

  • Em 16 de abril de 2007, um atirador matou 32 pessoas, além dele mesmo, na universidade de Virginia Tech, na Virgínia
  • Em 14 de dezembro de 2012, um homem matou a própria mãe, e, depois, 20 crianças e seis adultos antes de se matar na escola de ensino fundamental Sandy Hook, em Connecticut
  • Em 14 de fevereiro de 2018, um ex-aluno da escola de Ensino Médio de Parkland, na Flórida, matou 17 estudantes e educadores

No Banner to display

DEIXE UMA RESPOSTA